Blog
UROLOGIA – FIMOSE

Urologia – O que é a fimose e por que devo ficar atenta? 

Para as mães, na maioria das vezes, esse assunto é uma novidade. Por não fazer parte da sua vida íntima, algumas mães de meninos ficam sem saber o que deve ser observado e quando levá-los ao médico.

Fimose é uma queixa frequente nos consultórios urológicos e ocorre em todas as idades, sendo mais comum na infância. No adulto, a fimose pode ocorrer como sequelas de processos inflamatórios repetitivos e crônicos de diversas causas e até cicatrizações de traumas no pênis.

O que é a fimose? 

Fimose é a incapacidade de redução do prepúcio, impossibilitando a completa exposição da  glande. 

Cerca de 96% dos meninos nascem com fimose, o que faz com que este seja um dos diagnósticos mais comuns em pediatria. Entretanto, apesar da elevada prevalência, a resolução espontânea acontece em uma porcentagem significativa em crianças.

Urologia –  O que a fimose pode causar?

A presença de fimose pode ocasionar diversos problemas como:

  • Dificuldade para urinar, 
  • Infecção urinária, 
  • Dificuldade para a limpeza completa do pênis,
  • Acúmulo de secreções (esmegma).

Fimose – o que é recomendado pelos médicos?

A tendência atual é a de limitar e postergar o tratamento cirúrgico da fimose, restringindo-o aos adolescentes que não conseguem ainda expor a glande e nos casos em que há infecções recorrentes do trato urinário ou na glande.

Como tratar a fimose em meninos?

Especificamente em crianças, a Sociedade Americana de Pediatria e Sociedade Americana de Urologia recomendam como primeira opção o tratamento conservador, que consiste no uso de cremes e pomadas indicadas para a doença. 

Nos casos mais avançados ou onde o tratamento conservador não foi suficiente indica-se a abordagem cirúrgica para retirada do excesso de pele (postectomia ou circuncisão).

Cirurgia de fimose

Embora o procedimento seja simples, não é isento de riscos, que incluem cicatriz hipertrófica no local, sangramento, alteração cosmética da pele do pênis. Por isso, é preciso fazer uma avaliação adequada em cada caso.

Além disto, outra complicação possível na cirurgia de fimose é a formação de uma nova fimose devido a uma cicatriz mais endurecida. Também pode acontecer uma hipersensibilidade na glande até o corpo se adaptar à ausência da pele, principalmente em adultos.

Os pais de crianças portadoras de fimose e adultos que possuem a condição, devem  ficar atentos ao surgimento da Parafimose, uma complicação que ocorre quando o indivíduo portador de algum grau de fimose consegue expor a glande, mas não consegue recobri-la, isto é, trazê-la de volta à posição original, e isto se configura uma emergência urológica, pois dificulta o fluxo sanguíneo no local, causando edema e dor. 

Caso haja suspeita da Parafimose, o urologista deve ser imediatamente procurado para que o tratamento seja imediato.

Conheça a urologista Dra. Miriam Dambros

Ainda no primeiro ano de estudos, a Dra. Miriam se encantou pelo sistema urinário e decidiu se tornar urologista. Ao longo dos 20 anos de carreira, lecionou na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e na Universidade de Maastricht, na Holanda.

Sente-se movida por casos desafiadores que chegam ao consultório, sobretudo quando têm a oportunidade de acompanhar o envelhecimento dos pacientes e estar presente em suas vidas durante diferentes fases. 

Conheça um pouco mais a Dra. Miriam Dambros clicando aqui

Agende sua consulta com a Dra. Miriam clicando aqui

Notícias relacionadas

Urologia – O que é a fimose e por que devo ficar atenta?  Para as mães, na maioria das vezes, esse assunto é uma novidade. Por não fazer parte da sua vida íntima, algumas mães de meninos ficam sem...
Saiba +
A adolescência é uma experiência de inúmeras transformações físicas que envolvem novos cuidados e pontos de atenção com relação ao corpo dos adolescentes. Para se cuidar melhor, selecionamos 5 dicas valiosas da médica urologista Dra. Miriam Dambros que certamente...
Saiba +
A descoberta da identidade de gênero e da orientação sexual pode ser uma fase perturbadora para pais e filhos. Mas é possível vivenciá-la de maneira saudável. Você pode não saber o que é uma transgênero homossexual, mas talvez já...
Saiba +
criado por: agenciaecco.com.br
Open chat